Embora muitas vezes não seja perceptível, por agir no inconsciente, as cores possuem um papel muito importante na forma como reagimos a um ambiente. Isso acontece devido às sensações que as cores podem causar nas pessoas, como o sentimento de alegria, euforia ou até mesmo de relaxamento. Com as cores, também pode-se criar pontos de interesse, seja em uma parede, nos móveis ou nos detalhes da decoração. Com tantos benefícios possíveis, neste texto serão abordadas técnicas e ferramentas que ajudam na melhor utilização das cores na decoração.
 
Para utilizar-se dos benefícios que as cores podem trazer à decoração, a primeira coisa a ser considerada é a temperatura. Há as cores quentes, que trazem sensação de aconchego, e as cores frias, que retornam um sentimento de tranquilidade e paz. Não é por acaso que  em salas de home theater é aconselhado  o uso de cores mais escuras, fortes, como tons de madeira, enquanto que em consultórios médicos prevalecem o branco, o azul e o verde.
 
Mesclar as duas características também pode ser uma ótima alternativa. Na figura abaixo, esta cozinha consegue passar ambas sensações, resultando em uma ótima experiência visual.



Habittualy Chic (https://instagram.com/p/vY3U07JaKh/)

 
Por outro lado, caso as cores sejam utilizadas de maneira equivocada, estas podem causar efeitos indesejados ao ambiente. Um bom exemplo desta situação é o uso de cores quentes, como o vermelho e o amarelo forte para quartos de bebês. Ao invés disso, tons pastel, como o verde pastel, seriam mais indicados e passariam a percepção de tranquilidade para ótimas noites de sono da criança.
 
Seguem as funções de 3 das principais cores, de acordo com nossa cultura:
 
1) Azul: esta cor pode ser utilizada em diversos tipos ambientes e suas características variam dependendo do tom utilizado. Em tons pastel, fornece a impressão de ampliar o ambiente, além de trazer uma sensação de tranquilidade.


The Cottage Market (http://thecottagemarket.com/2015/03/50-shades-of-pastel-home-decor.html)
 
2) Amarelo: dentre as várias utilidades desta cor está o estímulo à digestão, o que faz com seja uma excelente opção para
cozinhas.



Casa Cor (http://casa.abril.com.br/materia/casa-cor-pernambuco-2014#13)
 
3) Verde: devido à sua ligação com a natureza, o verde carrega com ele a sensação de calmaria ao ambiente, sendo recomendado para salas de estudo, de reuniões e de espera.



Casa Cor (http://casa.abril.com.br/materia/apartamento-de-105-m-repleto-de-cores-e-arranjos-de-parede?utm_source=feedly#6)


Uma boa ferramenta para quem deseja mesclar cores, mas possui receio do resultado da combinação, é o círculo cromático. A partir deste modelo, é possível identificar as cores análogas, que situam-se à esquerda e à direita da cor procurada. No caso do laranja, por exemplo, as cores análogas são o vermelho e o amarelo. Há, ainda as cores complementares, que podem ser visualizadas na posição oposta no círculo cromático. No caso do roxo, a cor complementar é o amarelo.


 
Windk (http://www.windk.com.br/cores/)

 
A utilização de cores análogas é amplamente aceita na decoração devido ao pouco contraste entre as cores, o que significa a criação de ambientes mais atrativos e harmônicos. No ambiente integrado abaixo, pode-se analisar a sinergia das cores neutras (branco e preto) e dos diversos tons de madeira, com cores análogas (diferentes tipos de vermelho e amarelo). Como resultado, há vários pontos de interesse para o observador, como nos detalhes decorativos e nas cadeiras da sala de jantar.



Casa Cor (http://casa.abril.com.br/materia/conheca-os-18-ambientes-que-venceram-o-premio-casa-cor-2012#6)


Já as cores complementares é a opção escolhida para quem não tem receio de arriscar e que simpatiza com ambas as cores selecionadas. Na proporção correta, pode-se criar um ambiente muito interessante, como a sala de estar abaixo, que com pequenos elementos decorativos na cor amarela conseguiu criar um ambiente harmônico com o lilás e com as cores neutras, branco e cinza.



 Fonte: Minha Casa (http://minhacasa.abril.com.br/profiles/blogs/mix-vivo-e-acolhedor-roxo-amarelo-branco-e-cinza)

Bom, agora que você já sabe sobre as funções das cores e suas temperaturas, além da estratégia de utilização das cores análogas e complementares, é só adequar a teoria ao seu perfil e colocar em prática. Boa sorte!